Cantinho do Cronista #7 - O controverso Money in the Bank

2 comentários :

Amigos, amantes de Pro-Wrestling/Luta Livre, estamos mais uma vez aqui no NBO Wrestling, e o que este evento teve de de qualidade nos seus combates mais esperados, teve de confuso e controverso em outros, mais um evento polêmico onde a WWE fez das suas, e vamos analisar combate a combate aqui.

R-Truth venceu Wade (The King) Barrett

Pois é, uma surpresa, a WWE promove mais uma derrota de Barrett e a valorização de R-Truth, alguns dizem que eu busco (aposentar Wrestlers) não é questão disso, a gente apenas fica de olho em possíveis e merecidos push finais de Wrestlers experientes, pode ser esse o caso, ou resolveram finalmente dar o valor que (na nossa opinião diferente de muitas) Truth merece, se for essa a intenção acho um tanto tardio, configura-se então uma feud para sabermos quem seria o verdadeiro King of the Ring, o natural seria Barreth no final sair por cima, mas temos visto algumas atitudes imprevisíveis, o fato é que temo que o desfecho para a carreira de Barreth seja como o dado a carreira de outro Inglês que teve trajetória semelhante, William Reagal poderia ter sido muito mais do que um Inglês enigmático, bem como Barreth de um Inglês falador.

Sheamus venceu Money in the Bank Match

Vejam, eu não entendo tanto esse espanto e em alguns casos até revolta com a vitória de Sheamus, a nossa Antevisão (Clique) foi bem clara, víamos o Celtic Warrior como talvez o grande favorito, pela condição de Heel dominante que tem, com a possibilidade de Rollins turnar para face, essa certeza que muitos tinham de uma vitória de Roman Reigns tinha como único "calço" o seu carisma, a sua qualidade, atributos que Randy Orton também possui, mas a história de momento não encaixa tanto com isso, esses lutadores podem protagonizar outras feuds, no caso de Reigns isso já acontecerá com a volta de Bray Wyatt, o que ficou mais solto na história não é nem o Superman e sim Randy Orton, vamos ver no que ele se encaixará, muito se coloca da possibilidade de acontecer o esperado confrontamento entre Orton x Lesnar, valendo lá na frente pro vencedor a possibilidade de rumar para o cinturão, enquanto Rollins faria a tão anunciada batalha contra Triple H, se essa for a saída será uma boa solução que comportará á todos. Quanto a vitória de Sheamus, a minha opinião vai na contramão da maioria, um movimento correto, a mala tem de estar com alguém de relevância e sorrateiro, e esse é o perfil de Sheamus. 

Divas Championship - NIkki Bella (c) venceu Paige

Vejam, eu não tenho nada contra a Nikki, (principalmente nada contra seus atributos), mas não tem cabimento o que está acontecendo, tudo bem que nossa aposta foi em sua vitória, por que víamos que Paige já estava desgastada na feud e poderia haver uma ascensão de Naomi talvez. Mas aconteceu o contrário, o combate foi muito bom com um início arrasador de Nikki, onde parecia que o que antevimos se concretizaria, mas Paige reagiu mostrando muita qualidade, muita técnica, se credibilizando como a melhor Wrestler, mas pinou e venceu Brie Bella com boobs postiços. Vai ser todo evento isso? Isso está ridículo, dá a clara impressão que a WWE vai tentar segurar por mais três meses a atual campeã, só para acabar com o recorde de AJ na empresa, é mesquinho, AJ teve o recorde que teve com seus méritos, dando nova vida a Divas Division, mostrando uma variedade espetacular de golpes inimaginável para a "baixinha franzina" que vimos começar, e que se tornou uma baixinha de corpo definido em uma musculatura na medida certa, que não influiu em sua feminilidade, ao contrário, ampliou a sua atratividade (Um abraço Punk, parabéns), então querer na marra destruir o seu recorde com um reinado arrastado é patético, tomara que a WWE coloque a mão na consciência, até por que há ai uma Paige que tem capacidade como Wrestler e como personagem de carregar de forma normal esse reinado até a ultrapassagem, já as gêmeas, infelizmente só arrastando dessa forma mesmo. 

Intercontinental Championship - The Big Show venceu por DQ Ryback (c)

Combate fraco, curto e tosco, Big Show venceu por desqualificação e não levou, graças á interferência de The Miz, que deve agora entrar na feud pelo título intercontinental, ele pode dar um tempero nesse combate de dois Wrestlers pesados, que infelizmente não funcionou. 

John Cena venceu Kevin Owens

Pois é, foi um combate espetacular tecnicamente, calando os que não acreditam na qualidade de John Cena, já dissemos aqui algumas vezes e em Arquivo Wrestling (Clique), vocês podem conferir, quando exigido, o pequeno John mostra que também em seu Wrestling (além de seu carisma, suas mic skills, etc) há um calço para tudo que gira em torno dele. E Owens mostrou muita qualidade também, foi um combate onde os golpes foram muito bem vendidos, um combate realmente Awesome, que valeria uma ótima avaliação sem dúvida, porém a WWE estragou no fim, deveria ter terminado com o aperto de mãos, Cena como sempre sairia como o "Herói benevolente", mas Owens sairia como um gigante e os dois seguiriam seus caminhos com um combate conceito 5 estrelas, mas não, a WWE insiste em seguir com essa rivalidade,. estragando a possibilidade dos dois saírem por cima e de encerrar a rivalidade de um modo bonito que premiaria a qualidade do combate, com o ataque final á Cena, a feud segue, e alguém tem dúvidas que Cena sairá por cima no final? 

Tag Team Champ - Prime Time Players venceram New Day (c)

E aconteceu o que prevíamos, o título mudou de mãos de forma merecida, satirizando a New Day como um time falastrão, a verdade é que essa equipe apesar de ter o talentoso Kofi Kingston e o forte Big E, parece que o time satiriza o domínio falastrão de outra equipe, o Beat Down Clan da TNAse a ideia é ridicularizar esse grupo estão conseguindo. 

WWE (World Heavyweight) Champ - Seth Rollins (c) venceu Dean Ambrose

Outro combate sensacional, brutal, de elevado conceito, que infelizmente acabou com final controverso, a intenção dos dois caindo com o cinturão foi boa, mas a atuação de Ambrose (certamente contrariado) deixou a cena caricata demais, a personalidade dele pode prejudicá-lo, afinal, no Pró-Wrestling o resultado é determinado pelo roteiro para que as histórias façam sentido, ou ele entende isso, ou migra para o MMA (onde se desconfia também de alguns resultados, sobretudo no UFC), imaginávamos que poderia haver o Cash-In de Sheamus, não ocorreu, Rollins segue campeão e foi recebido por Triple H no final da luta. Resta agora aguardamos os próximos programas para saber, foi abortada a ideia do face-turn de Rollins para encarar HHH, ou aquilo foi uma falsidade digna dos grandes heels e a rivalidade vai acontecer com Rollins podendo "Destruir a Authority" provando assim de fato sua frase; "I'm a Man", e onde Brock Lesnar entra nisso? Vamos aguardar.




Conheça: Blog Jovens Cronistas! (Clique)


2 comentários :