NBO Entrevista - Caoz (Link em Português)

Olá, pessoal! Eu, Renan Monteiro, estive entrevistando desta vez o lutador da LWA Perú, "O melhor do melhor", Caoz!



Caoz é um Ex-Campeão máximo da companhia, e tem como seu principal objetivo para o ano de 2015 recuperar este título.

Caoz falou sobre o começo da sua carreira na Luta Livre, como é integrar a Equipe da LWA, e também sobre suas viagens internacionais, inclusive no Brasil!

Vamos conferir a entrevista?

1 - Como começou sua carreira?

Caoz: Comecei a treinar a Luta Libre no inicio do ano de 2002, debutando profissionalmente a meados de 2003. Há sido um largo caminho, sempre aprendendo com erros e acertos, com a experiência de meus rivais, e com a maior humildade e atitude.



2 - Quais são seus Ídolos na Luta Livre?

Caoz: Há muito lutadores que marcaram minha carreira em diferentes etapas. Nos dias de hoje é difícil falar de Ídolos, mas se posso mencionar nomes referentes que tenham me influenciado, posso citar Apache (México), El Enfermero (Perú), Mr Perfect (USA), e no demais ter sido influenciado também pela Atitude Era (WWF) nos finais dos anos 90'

3 - De onde veio sua inspiração que te motivou a ser um Lutador?

Caoz: Sempre encontrei gosto por Esportes de Comeptição. Fui da Seleção Nacional de Natação do Perú na minha Adolescência. Logo fui encontrando uma afinidade por Esportes de Contato, pela adrenalina que isso passa pra mim. Assim, cheguei na Luta Livre. Atraído também pela parte do show que isso envolve, e hoje em dia sinto que no final de tudo, o que mais eu me desfruto e me inspira, é causar emoções ao público, fazer-los enojar, fazer-los rir, fazer-los gritarem de empolgação, isso é o que me faz sentir que eu amo o que eu faço e que todo sacrifício vale a pena.



4 - Já realizou alguma luta nos EUA?

Caoz: Eu lutei no Perú, Argentina, Equador, Chile, Brasil. Tive rivalidade em USA, México, Suíça, Japão, Porto Rico, Panamá, Gana, etc. Eu tive a sorte de enfrentar e trabalhar com rivais muito conhecidos como Ricky Marvin, Super Crazy, Cesaro, Chris Hero, Carlito Caribbean Cool, Super Zeta, Sami Zayn, Aerostar, Mini - Histeria, entre outros.


(Caoz e El Generico (Sami Zayn) )


(Caoz e Carlito)


5 - Como é lutar pela LWA?

Caoz: LWA é meu lugar no Perú. Há feito com que a Luta Livre chegue em um nível que nada confiaram chegar em meu País. LWA, no demais, é o lugar que me da a oportunidade de poder treinar e formar a seus novatos a lutadores, que ao passar dos anos eu descobri que é que mais me motiva e me satisfaz ao nível pessoal: Formar as futuras estrelas!.
Sem nenhum embargo, respeito e admiro toda iniciativa em meu pais de qualquer agrupação que dediquem seu tempo e esforço ao crescimento da Luta Livre.



6 - Conhece algo sobre a Luta Livre no Brasil?

Caoz: Estive lutando no Brasil em 2014 na BWF. Me trataram muito bem e aproveitei cada minuto da experiência. Me encantaria voltar pronto para poder lutar e tomar muito Guaraná Antártica!


(BWF - Brazilian Wrestling Federation)


(Caoz e sua paixão pelo Guaraná Antártica)


7 - Quais são seus objetivos para este ano de 2015?

Caoz: Este ano de 2015 espero voltar a ser Campeão Máximo da LWA, porém não descarto a oportunidade de tentar ganhar títulos no Exterior. Também miro a oportunidade de poder trabalhar lutas com novos talentos para ajudar-los a crescer e amadurecer.



8 - Deixo aqui um espaço para agradecer aquele que ajudaram na sua carreira e eu te desejo um grande ano na Luta Livre em 2015!

Caoz: Seria muito injusto fazer uma lista com todas as pessoas que devo agradecer (A parte, a minha família), por ter feito possível minha carreira, pois sei que posso me esquecer de alguém. Agradeço de todo coração a todos os Fãs que apoiam a Luta Livre e que nos permitem lhes levar uma grande alternativa de Entretenimento Esportivo. Sigam apoiando, pois se não, terão que se ver comigo! Porque eu sou CAOZ, O MELHOR DO MELHOR!



Nós da NBO Wrestling agradecemos a oportunidade de entrevista, e desejamos muito sucesso e continue o ótimo Lutador que é! Muito Obrigado mais uma vez!