Spinebuster #9 - The Redemption


Que Wrestlemania meus amigos, simplesmente uma das melhores dos últimos tempos, e é neste clima de Wrestlemania que voltamos com mais uma edição, a nona, do nosso querido quadro, Spinebuster, agora de logo novo!!!



Sim, a certo tempo a Wrestlemania tem sido uma tacada da WWE, para remediar as suas besteiras feitas durante todo um ano, mas isso ficou muito mais explícito, na edição de 2015. Não é novidade para ninguém que Roman Reigns não tinha cacife para ser o Campeão Máximo da empresa, muito menos estava apto a conduzir feuds de Main Event, parece que a WWE vendo isso, prontificou a renovação de Brock Lesnar, e de quebra, surpreendeu grande parte do público, colocando o Cash-In de Seth Rollins a ser feito na Wrestlemania, e ele vencendo o título, e ainda mais, vencendo sobre Roman Reigns, isso não "descredibilizou" o "Beast Incarnate", e serviu para Rollins ter seu Spot que já é tão merecido. Rollins foi um dos caras mais bem trabalhados na WWE, nos ultimos tempos, talvez junto com Rusev, algo que infelizmente a WWE não conseguiu fazer com Roman Reigns.
 

E por falar em redenção, esta é a palavra que se aplica a Bray Wyatt vs The Undertaker, a sensação de dever cumprido, e de que o "Phenom" estava de volta tomou conta de todos na IWC, no Levi's Stadium, e no mundo todo. Talvez a vitória de Bray Wyatt fosse melhor para ele, e o Deadman se aposentaria alí passando o bastão, mas ao meu ver, ficou claro que, como já diria Christian, haverá "One More Match" e quem sabe não veremos finalmente The Undertaker vs Sting na Wrestlemania?


A verdade é que, mesmo eu estando apoiando o Wyatt, não teve como não torcer para The Undertaker, a situação se apresentou de uma maneira tão intensa, que foi instantâneo torcer loucamente para Taker, mesmo sabendo que a chance de Wyatt derrotar uma lenda deste nível agora é baixa.

Mas vamos deixar Wyatt mais adiante, a vitória de The Undetaker serviu simplesmente para dar o nome deste artigo, a redenção, depois de sua derrota para Lesnar, da maneira que foi, Undertaker chegou a ficar meio desacreditado, e muitos pensavam que o combate não decorreria bem, e muito pelo contrário, sinceramente, ao fim da match, fiquei de alma lavada, e bateu um sentimento de alívio em meu ser, do tipo "Ele está de volta!!"

Para Wyatt, sim, ele quase foi enterrado por John Cena ano passado, mas graças a ser um grande Worker, ele se recuperou, e como se recuperou, até certo ponto, a vitória de Wyatt seria aceitável, pois seria a passagem de bastão, para o "New Face of Fear", mas o sentimental de todos falou mais alto, não dá pra negar (risos). Agora ao meu ver, a única saída para Bray, é uma possível feud com um retornado, e mais infernal do que nunca, Masked Kane, que é a ultima gimmick lendária que resta na WWE, disponível para esse combate, afinal, Taker e Sting provavelmente se aposentarão ano que vem.

E falando no "The Icon", chegou a hora de uma das feuds mais bem construídas para a Wrestlemania, Sting vs Triple H, tudo foi impecável nesse combate, desde as entradas, até a DX, até a NWO, O Sweet Chin Music vindo do além, de Shawn Michaels, tudo foi incrível para nós fãs, principalmente os mais nostálgicos, que é o meu caso. Apenas o resultado que nos deixou um pouco espantados, com Hunter a vencer, mas depois de tudo que aconteceu naquela batalha, nem nos importamos mais quem venceria ou não, como um amigo meu me disse, a grande maioria esqueceu feuds futuras, o olhar crítico, e apenas viveu o momento, e essa foi uma boa sacada pra esse combate.


Pois é meu povo, a Wrestlemania foi tão "mitante", que até John Cena voltou a ser "adorado" ou menos odiado, enfim, a verdade é que o orgulho americano voltou, o prestígio de John Cena voltou, e parece que aqui começa a ascensão dos Mid Titles, o resultado era esperado, a match foi boa, dois caras na medida de suas limitações, conseguiram fazer um ótimo espetáculo para todos, e mais uma vez, Estados Unidos sai por cima da carne seca.



O que dizer desta imagem? Simplesmente um dos melhores RKO's que já vimos vindo de Randy Orton, e como eu já dizia no Top Rope Radio, era uma match que não davam muito, e foi uma das melhores do evento, com este RKO então, fazendo valer sair, e pagar o ingresso novamente, outro grande destaque além do Cash-In.

Bom, óbvio que a Wrestlemania toda, foi pra lavar a alma de um ano inteiro de tiros no escuro, que saíram pela culatra, veio para brindar nós fãs com uma das melhores Manias dos últimos tempos, foi a redenção do povo americano via John Cena, a redenção do Mid Card agora sendo alavancado por grandes nomes, redenção de Seth Rollins, que vinha a trabalhar por um ano sem ter seu merecido spot, foi a redenção de toda a WWE após deixar grandes incertezas com o ano passado, e neste ano começando a apresentar grandes esperanças, e o futuro parece ser agora!


É isso meus amigos, aqui eu encerro mais um Spinebuster, espero que vocês tenham gostado deste artigo, deixem aí sua opinião, e sobre qual deveria ser o próximo artigo!!

Obrigado a todos e até o próximo Spinebuster.